ONLINE
9
Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saber mais.
  Visit our site available at: Go to Online Betting Academy
           

Análise do jogo: Bayer Leverkusen vs Zenit (22 Outubro 2014)


Análise do jogo:  Bayer Leverkusen vs Zenit (22 Outubro 2014)

Bayer Leverkusen e Zenit medem forças no BayArena para a terceira jornada do Grupo C da Liga dos Campeões.

Na época 2007/2008 a equipa do Zenit venceu o Bayer Leverkusen por 4-1. Conseguirá o português André Villas-Boas repetir esse feito?


Análise do Bayer Leverkusen

O início de época da equipa do Leverkusen tem sido uma autêntica montanha russa. A formação alemã até começou bem o campeonato com duas vitórias consecutivas, mas desde a segunda jornada só venceu apenas por uma ocasião em seis jogos. Atualmente ocupa a 6ª posição da Budesliga alemã, fruto de três vitórias, quatro empates e uma derrota. Na última jornada do campeonato, a turma de Roger Schmidt empatou a três bolas frente ao Stuttgart, depois de ter estado a vencer ao intervalo por 3-0.
 
O destaque do Leverkusen vai para o setor ofensivo da equipa. A formação alemã conta com extremos de grande qualidade técnica como é o caso de Son e até Bellarabi que já mereceu a chamada à sua seleção por parte do selecionador alemão Joachim Löw. Na frente de ataque teremos o ponta-de-lança Kießling, um jogador com um faro de golo apuradíssimo podendo criar perigo a qualquer momento. Os maiores problemas da equipa é mesmo na defesa. O caso mais evidente é mesmo nas bolas paradas defensivas, apresentando grandes dificuldades em definir se defendem homem a homem ou zona.
 
Neste desafio o treinador Roger Schmidt não poderá contar com os lesionados Gonzalo Castro, Boenisch e Simon Rolfes.
 
Onze Provável: Leno; Jedvaj, Spahic, Toprak, Boenisch; Bender, Reinartz, Calhanoglu, Son, Bellarabi; Kießling
 
Análise do Zenit
 
A turma de André Villas-Boas tem vindo a quebrar de rendimento nos últimos três encontros oficiais. Depois de ter perdido no primeiro jogo da temporada a contar para 3ª eliminatória da Liga dos Campeões, seguiu-se 13 vitórias consecutivas em jogos oficias, o que revela o enorme potencial desta equipa. Mas nos últimos dois jogos para o campeonato, a equipa consentiu dois empates, um frente ao Spartak de Moscovo a zeros e outro a duas bolas com o Krasnodar. No meio disto a equipa do treinador português ainda empatou a zeros, em jogo a contar para a segunda jornada da Liga dos Campeões.
 
Não será de estranhar que o técnico jogue no habitual 4-2-3-1 dando privilégio à posse de bola, com grande circulação entre os corredores, variando entre ataques organizados e transições rápidas. O homem fundamental nestes processos da equipa tem sido Hulk. O brasileiro apresenta uma potência incrível, sendo fundamental nos contra-ataques da equipa. Neste jogo será de espera que André Villas-Boas, além de apostar na velocidade de Rondón e Hulk com o objetivo de aproveitar o lento processo defensivo da equipa, também arrisque bastante nas bolas paradas ofensivas da equipa.
 
O técnico português ainda não sabe se pode utilizar o extremo Oleg Shatov que está por conta do departamento médico. 
 
Onze Provável: Lodygin; Smolnikov, Garay, Lombaerts, Criscito; Fayzulin, Javi García, Danny, Shatov, Hulk; Rondón.
 
 
Estatísticas completas deste jogo em:

https://www.academiadasapostas.com/stats/match/europa-stats/1923615



Sugestão de Aposta:

O cenário mais provável para este encontro será a existência de mais de um golo. Acreditamos que será um jogo com bastantes oportunidades de ambas as partes, devido à imensa qualidade dos homens do ataque de ambas as formações. A formação da casa tem vindo apresentar um bom registo no capítulo da finalização, assim como o seu adversário. Antevê-se assim que este jogo terá alguns golos, tal aconteceu no último confronto entre os dois emblemas.

• A favor do Over 1.5 – odd 1.25 – Bet365

Clica aqui para apostar neste jogo na Bet365: SEGUIR ESTE PROGNÓSTICO



Concordas com a Sugestão de aposta?
Então coloca Gosto no botão de facebook da Análise!

análise, bayer leverkusen, liga dos campeões, zenit

Partilhar "Análise do jogo: Bayer Leverkusen vs Zenit (22 Outubro 2014)" via:

Enviar Comentário

Comentário (1)


  1. jorgealm 22 Out 2014 - 10:57
    concordo. até porque as equipas estão em fase de demonstrarem o seu potêncial e nada melhor do que um jogo na liga dos Camp.