ONLINE
9
Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saber mais.
  Visit our site available at: Go to Online Betting Academy
           

Taça Confederações: Brasil é aposta adequada para bater opositores


Taça Confederações: Brasil é aposta adequada para bater opositores
"A formação de Scolari vai levar o torneio muito a sério, e o historial joga a favor dos brasileiros." Brasil para Vencer Taça das Confederações @ 2.44

James Eastham diz que é difícil esquecer os favoritos na prova intercontinental que tem lugar nas próximas duas semanas...
 
O Brasil tem um excelente registo na Taça das Confederações e é a selecção destaque para vencer o torneio que recebe este mês.
 
Os seus resultados mais recentes têm tido altos e baixos - antes da sua vitória por 3-0 contra a França esta semana, o seu registo de 2013 era de V1-E4-D1 - mas temos mais razões para apostar a favor do que contra a equipa de Luiz Felipe Scolari. O seu preço de 2.44 no Mercado Vencedor de 2013 vai desencorajar alguns, e baixou de 2.58 desde que venceram a França, mas mesmo assim são a escolha inteligente.
 
A motivação joga a favor deles. Mais do que qualquer outra das sete equipas em competição, o Brasil tem razões para levar este torneio a sério. O baixo rendimento precisa de ser corrigido.
 
Como anfitriões vão estar sob pressão dos media e dos fãs para obterem resultados. E toda a gente - desde o treinador aos jogadores, passando pelos fãs e pelos media - está à espera de um impulso, 12 meses antes do Campeonato do Mundo em solo pátrio.
 
A Espanha e a Itália - segunda e terceira nas apostas a 2.94 e 8.8 respectivamente - têm bastante margem de manobra. Estes dois países podem dar-se ao luxo de tratar a competição com ligeireza, o que o Brasil não pode fazer.
 
Scolari seleccionou uma excelente equipa. Dani Alves, Thiago Silva, David Luiz, Neymar, Lucas e Óscar, estão todos lá. A Itália e a Espanha enviaram equipas fortes mas é difícil imaginar que este torneio signifique tanto para os jogadores destes países como para os anfitriões. O Brasil sempre se saiu bem na competição: triunfou em 1997 e venceu as duas últimas edições (2005 e 2009).
 
Se o Brasil é merecidamente o favorito, o Uruguai é a aposta "outsider" inteligente. As hipóteses de se qualificar para o Campeonato do Mundo estão em causa, por causa de um registo de V0-E2-D4 nos últimos seis jogos, mas este torneio pode ser um ponto de viragem. O talento individual que têm nas suas fileiras significa que não podem ser descartados: Edinson Cavani e Luis Suarez vão descansar dos rumores no mercado de transferências este Verão e vão estar em campo.
 
Além da vantagem óbvia de jogar no próprio continente, o Uruguai aterrou no grupo mais fácil. O Grupo A tem o Brasil, a Itália, o México e o Japão. No Grupo B o Uruguai tem como companheiros a Espanha, a Nigéria e o Tahiti.
 
A Nigéria foi um vencedor competente, sem ser extraordinário, da Taça das Nações Africanas no início do ano. O Tahiti é o outsider do torneio.
As hipóteses do Uruguai chegar às meias-finais são assim bastante boas, pelo que são a escolha no mercado "Para Chegar À Final".
 
Apostas Recomendadas:
Brasil para Vencer Taça das Confederações @ 2.44

Uruguai para chegar à final @ 4.0
 
  in Apostas Betfair
taça das confederações

Partilhar "Taça Confederações: Brasil é aposta adequada para bater opositores" via:

Enviar Comentário

Comentário (0)