Ver versão desktop
ONLINE
11
Menu
Começar Pontos Academia Curso Tips    Análises    Procurar Tips Estatísticas de Futebol Estatísticas de Ténis Estatísticas de Basquete Estatísticas de MotorSports Artigos Promoções Concursos Fórum

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saber mais.
  Visit our site available at: Go to Online Betting Academy
           

ATP Mutua Madrid: Berdych como alternativa a "Rafa" e "Nole"


ATP Mutua Madrid: Berdych como alternativa a "Rafa" e "Nole"
"O finalista do ano passado, Berdych, é um dos jogadores que se pode aproximar do troféu com óptimas quotas 67.0." Aposta A Favor/Contra Berdych a 67.0

O circuito de terra batida continua, com o ATP World Tour a mudar-se para Espanha, para o Open Masters 1000 Mutua Madrid, onde o especialista de ténis, Sean Calvert, selecciona as melhores apostas.
 
A horrível terra batida azul do ano passado foi dispensada e em 2013 regressamos à terra batida vermelha, mas o jogo deve ser um pouco mais rápido do que a maioria dos encontros em terra batida, devido à altitude da cidade anfitriã.
 
Esta era uma prova em piso rápido coberto e só passou a terra batida em 2009, ano em que Roger Federer venceu, assim como no ano passado, em terra batida azul, enquanto em 2010 venceu Rafa Nadal, seguido de Novak Djokovic um ano mais tarde.
 
Este ano, Rafa é o favorito menos interessante, com quotas em torno dos 2.10, à frente de Djokovic que está a negociar à volta dos 2.5 , depois temos Federer a 15.0, Andy Murray a 17.0 e David Ferrer em torno dos 29.0.
 
O sorteio uniu Djokovic, Murray, Tomas Berdych e Jo-Wilfried Tsonga numa secção conveniente para o sérvio e eu acho que, nestas condições, ele é que devia ser o verdadeiro favorito à frente de Nadal.
 
Nole pode ter um jogo de abertura complicado contra Grigor Dimitrov, que vimos dificultar a vida a Rafa em terra batida em Monte Carlo há umas semanas atrás, e antes disso o jovem búlgaro saiu-se bastante bem, tanto contra Djokovic como contra Murray, e se tivesse conseguido manter-se calmo, o resultado teria sido muito mais renhido em ambos os encontros.
 
Uma derrota prematura de Djokovic beneficiaria claramente os outros na primeira metade, que além dos já mencionados, inclui ainda Stan Wawrinka, Janko Tipsarevic, Milos Raonic, Gilles Simon e Juan Mónaco, mais Alexandr Dolgopolov, Jerzy Janowicz, Kevin Anderson, Fernando Verdasco e Martin Klizan.
 
Mas é com certeza Berdych, o finalista do ano passado, aquele que mais probabilidades tem de se aproximar e 67.0 seria um preço vantajoso para os caçadores de apostas a favor/contra, apresentando-se como a aposta alternativa aos favoritos óbvios, Nadal e Djokovic.
 
O "Berdman" não tem impressionado no seu percurso em terra batida, com derrotas frente a Fabio Fognini e Tommy Robredo, mas em condições que lhe são mais favoráveis e com pontos de classificação em jogo, devemos assistir a uma melhoria de Tomas esta semana.
 
Murray e Tsonga têm de melhorar muito e não vejo valor nenhum em apostar a favor de nenhum deles. Murray está a um preço chocante, tendo em conta a sua forma em terra batida e vai esforçar-se para atingir os últimos quatro.
 
A segunda metade parece difícil, com Nadal, Federer, Ferrer, Nico Almagro, Tommy Haas e Richard Gasquet preparados para se enfrentarem e Federer deve gostar das probabilidades que tem de conseguir manter a sua coroa de Madrid, após ter ficado numa secção aceitável do sorteio.
Não parece complicado ele derrotar os seus adversários, talvez só Gasquet tenha capacidade de derrotar o suíço antes da fase da semi-final.
 
A secção de Rafa parece mais difícil de negociar, tendo Ferrer como o empecilho óbvio e também com Almagro e Haas a tentarem causar estragos nesta secção, juntamente com Robredo, Fognini e Andreas Seppi.
 
Esta é provavelmente a prova desportiva de que Nadal menos gosta no circuito de terra batida, com condições que não são perfeitas para ele e não vejo proveito em apostar a favor de Rafa esta semana.
 
Djokovic será popular em volta de 2.5, mas se puderes aproximar-te dos 67.0 de Berdych, este é um preço muito mais apetecível e será provavelmente um bom investimento para depois fazer aposta contra, já que ele parece ser o semi-finalista mais provável neste quarto do sorteio.
 
Se acontecer alguma coisa a Rafa ou Nole antes da semi-final, então ainda melhor, mas com este preço parece uma verdadeira possibilidade teres lucro.
 
Aposta Recomendada: 
Aposta A Favor/Contra a Berdych a 67.0

  in Apostas Betfair
atp, betfair, ténis

Partilhar "ATP Mutua Madrid: Berdych como alternativa a "Rafa" e "Nole"" via:

Enviar Comentário

Comentário (4)

  1. Ivo Filipe 07 Mai 2013 - 01:30
    Hoje foi visível no encontro Dolgopolov x Haase a importância do serviço, mesmo sendo em terra batida.

    Nadal não pode ser favorito. Voltou de uma lesão há pouco tempo e no Mónaco, onde Rafa é supostamente o supra-sumo, foi facilmente afastado por Djokovic na final.
  1. Jalma 07 Mai 2013 - 02:15
    No jogo do dolgo contra o haase, além do serviço o que fez a diferença foi a troca de bolas. Haase andou quase sempre ao ataque e o dolgo limitava-se a devolver bolas.
  1. Ivo Filipe 08 Mai 2013 - 12:04
    Jalma escreveu:
    No jogo do dolgo contra o haase, além do serviço o que fez a diferença foi a troca de bolas. Haase andou quase sempre ao ataque e o dolgo limitava-se a devolver bolas.

    Não é verdade. O Dolgopolov teve muitos mais winners. O que fez a diferença foi o Haase ter servido muito bem e daí a facilidade com em fazer Ases e ganhar os jogos de serviço e o enorme número de erros não forçados de Dolgopolov como já é característico dele.
  1. Jalma 08 Mai 2013 - 13:05
    "a diferença foi o Haase ter servido muito bem e daí a facilidade com em fazer Ases e ganhar os jogos de serviço"concordo. Sobre os erros não forçados, isso também é normal vindo de alguém como o dolgo. Sobre os winners que dizes que não é verdade sobre o que afirmei, é possível que tenha tido mais winners. Não vi a estatística final. Resumindo. Excelente jogo do Haase  Vamos lá é a uma vitória do Tommy Haas 

Procurar