Ver versão desktop
ONLINE
8
Menu
Começar Pontos Academia Curso Tips    Análises    Procurar Tips Estatísticas de Futebol Estatísticas de Ténis Estatísticas de Basquete Estatísticas de MotorSports Artigos Promoções Concursos Fórum

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saber mais.
  Visit our site available at: Go to Online Betting Academy
           

Atletismo: Parte II do "show" Bolt


Atletismo: Parte II do "show" Bolt
O dia de hoje promete grande espectáculo com as finais de 200 e 800 metros e, ainda a final do Triplo Salto Masculino. Fique com uma ideia do que poderá suceder.

200 metros masculinos
É difícil imaginar que Usain Bolt 1.24 falhe esta noite na prova dos 200 metros. Yohan Blake 70 será prata com toda a probabilidade, e vejo a possibilidade de Christophe Lemaitre conseguir o bronze. A sua corrida em Crystal Palace há um mês foi a melhor de qualquer atleta não jamaicano, nesta distância, durante todo o ano. Contudo, não vejo apostas atractivas nesta corrida.
 
800 metros masculinos
David Rudisha 1.08 é um fenómeno. Bateu um recorde do mundo bastante antigo com 21 anos, e ganhou o Mundial de Daegu apesar das lesões sofridas nos meses anteriores. Este ano está imparável, continua imbatível e tem as quatro melhores marcas da época, incluindo as duas vezes em que correu em menos de 1.42. Isto indica-nos que está na melhor forma possível para superar o seu próprio record mundial de 1.41.01.
 
A tradição diz-nos que os atletas de fundo já não atingem as melhores marcas nos grandes campeonatos. Mas penso que Rudisha não esperará como os outros, e se reunirem as condições alcançará o seu recorde com toda a sua força. Se apostar nele, acho que tem sérias hipóteses de conseguir, pelo que seguirei esta corrida com muito interesse, uma vez que a probabilidade é atractiva 14.
 
Não tem sentido apostar em nenhum atleta que não seja o Rudisha, porque apenas um erro da sua parte ou algum tipo de acidente podem evitar a sua vitória. Os outros candidatos são Abubaker Kaki, segundo no Mundial do ano passado, Mohammed Aman e Nijel Amos, mas quero ver do que é capaz o queniano de 17 anos, Timothy Kitum, que foi segundo depois de Amos no Mundial júnior do ano passado, e não necessita de muito para estar presente na cerimónia de entrega das medalhas. A dúvida será se estes atletas irão tentar aguentar Rudisha ou optam apenas por lutar pela prata. Se se verificar a segunda opção, muitos atletas são candidatos.
 
Triplo salto masculino
Como actual campeão mundial e recordista mundial do ano, Christian Taylor é o grande favorito nesta prova. É jovem, aguenta bem a pressão dos grandes encontros e é capaz de superar os 18 metros na final. Mas não me emociono muito com a sua probabilidade de 1.65. Este valor dá-se pela ausência de Teddy Tamgho que foi sancionado por um período de seis meses devido a um incidente com uma atleta, e de Phillips Idowu que nem se quer se classificou para a final. O adversário directo de Taylor é William Claye 7.0, mas seguirei com o máximo interesse a competição de Lyukman Adams 18.0, imbatível ao ar livre este ano, que é já uma celebridade na Rússia por ser o seu primeiro atleta olímpico de cor.
 
Apostas Recomendadas:
Record do mundo nos 800 metros com quotas de 14.0
Timothy Kitum medalha nos 800 metros com quotas de 6.6
Luykman Adams medalha no triplo salto masculino com quotas de 4.0


in Apostas Betfair
betfair, jogos olímpicos

Partilhar "Atletismo: Parte II do "show" Bolt" via:

Enviar Comentário

Comentário (2)

  1. NunoAfonsoMatos 09 Ago 2012 - 20:08
    Brutal!
    Back David Rudisha @ 1.08 e com esse green quase certo fiz Lay World Record? No @ 1.07

  1. Andrelot 09 Ago 2012 - 23:01
    Eu fui nas três sugestões. Só a do Triplo Salto não caiu, de resto foi só lucro

Procurar